DOMINGO NO MUSEU RECEBE DUAS GERAÇÕES DA MÚSICA INSTRUMENTAL


Thiago Delegado convida Toninho Horta para participação especial em um show com repertório inédito e que dará vida ao segundo álbum solo do jovem compositor

  

O projeto Domingo no Museu, realizado pela Veredas Produções, apresentará uma das maiores revelações da música instrumental de Minas Gerais, o violonista e compositor Thiago Delegado. Despontando entre os músicos da nova geração da música popular brasileira, Delegado apresentará noMuseu de Arte da Pampulha (MAP) suas novas composições, acompanhado pelo baixista Aloísio Horta e pelo pianista Christiano Caldas. O encontro destes artistas já tem data marcada: dia 4 de dezembro, às 11 horas. Neste show, o violonista gravará seu segundo CD, intitulado “Thiago Delegado Trio – Ao vivo no Museu de Arte da Pampulha”.

Patrocinado pela Itaiquara, o Domingo no Museu, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, mostrará ao público a sonoridade e a jovialidade de Thiago Delegado em um show no qual apresentará novas composições e releituras de Milton Nascimento, Chico Buarque, Paulinho da Viola e Tom Jobim. As belas melodias do compositor terão como cenário um dos cartões postais da cidade, o MAP que, com este projeto musical, se concretiza cada dia mais como um espaço de lazer e cultura para a população Belo Horizonte.

Para completar o time de sucesso que acompanhará Delegado, o músico Toninho Horta subirá ao palco para uma participação especial. O show no MAP confirmará todo o talento deste jovem compositor e instrumentista que interpretará sete músicas inéditas e autorais, além de composições em parceria com Juarez Moreira e com o próprio baixista convidado para a apresentação, Aloísio Horta. Será a primeira vez que o trio subirá ao palco, revelando ao público a sonoridade da mistura acústica entre violão, baixo e piano.

Diretor musical da cantora Aline Calixto e do artista Vander Lee, Delegado se destaca por sua seriedade e carisma. Em sua carreira solo, segue a tradição da música brasileira, sempre ligada a tudo que acontece pelo mundo, tornando-o um compositor e instrumentista com facetas ilimitadas.

Acostumado com uma percussão marcante em seus shows, o violonista terá a chance de explorar novas e sutis possibilidades para a sua música. Vencedor da décima primeira edição do Prêmio BDMG Instrumental e do Marco Antônio Araújo, de melhor CD do ano, o compositor inovará com esta formação, cujo resultado promete ser inesquecível.

 

Conheça o violonista e compositor Thiago Delegado:

 

O belo-horizontino começou a tocar violão de forma autodidata e, atualmente, dedica-se ao estudo do violão de sete cordas. Em 2008, aprimorou seus estudos com Celso Moreira, como um dos vencedores do Jovem Instrumentista BDMG. Foi selecionado, como revelação, pelo Programa Música Minas e Novos Talentos do Jazz e, finalista, da décima edição do BDMG Instrumental. Seu primeiro disco, “Serra do Curral”, venceu o prêmio Marco Antônio Araújo, como o melhor disco instrumental de 2010 em Minas Gerais. Foi um dos 12 artistas selecionados pelo projeto “Conexão Vivo”, em 2009, apresentando-se no ano seguinte como convidado da banda Zé da Guiomar. Participou da quarta edição da Festa da Música e do Festival de Inverno de Ouro Preto, em 2010.

 

SERVIÇO:

Domingo no Museu – Thiago Delegado Trio

Local: Museu de Arte da Pampulha (Av. Otacílo Negrão de Lima, 16585)

Data: Dia 04 de dezembro, às 11 horas

Ingressos à R$10 (inteira) – Renda revertida para a conservação do MAP

Locais de venda: No Museu de Arte da Pampulha e na loja Acústica CD’s (Rua Fernandes Tourinho, 300) – A partir do dia

Informações: (31) 3277-7996

Anúncios

Festa da Música 2011 – Belo Horizonte

15/07/2011 – Sexta-feira

Praça do Papa

19h30 Happy Feet Jazz Band

21h Zimbo Trio


16/07/2011 – Sábado

Feira Tom Jobim

11h Cabral – Vozes do Morro
13h Ki-Doçura – Vozes do Morro
15h Mestre Samba

Museu de Artes e Ofícios

19h Celso Moreira e Cléber Alves

Praça Nova da Pampulha

18h Jairo de Lara

19h30 Pascoal Meirelles Quarteto

21h Nivaldo Ornelas – Tributo a John Coltrane

Praça do Papa

18h Tambolelê

19h30 Esdra “Neném” Ferreira

21h Aline Calixto – Lançamento do CD “Flor Morena”


17/07/2011 – Domingo

Museu de Artes e Ofícios

19h Gilvan de Oliveira

Praça Nova da Pampulha

16h Batuque Salubre

17h Histórias da Arca – Ana Cristina e Grupo

18h30 Curupaco

Praça do Papa

17h Cristiano Vianna e Marcelo Chiaretti

18h30 Maíra Freitas

20h João Donato e Trio


18/07/2011 – Segunda-feira

Praça da Liberdade

18h30 Humberto Junqueira

20h Paulo Bellinati e Weber Lopes

21h Badi Assad


19/07/2011 – Terça-feira

Praça da Liberdade

18h30 Chico Bastos – Prêmio BDMG

20h Alexandre Gismonti Trio

21h Celso Fonseca


20/07/2011 – Quarta-feira

Praça da Liberdade

18h30 Sarau Brasileiro

20h Luis Leite – Prêmio BDMG

21h Três Estações – CAYMMI – Geraldo Vianna, Fernando Brant e Amaranto


21/07/2010 – Quinta-feira

Praça da Liberdade

18h30 Wagner de Souza – Prêmio BDMG

20h Guilherme Ribeiro Quarteto

21h Nó em Pingo D’Água


22/07/2011 – Sexta-feira

Museu de Artes e Ofícios

19h Sylvia Klein

Praça Floriano Peixoto

19h30 Juarez Moreira Trio

21h Gilson Peranzzetta, Mauro Senise – Lançamento do CD “Noel Rosa 100 Anos” – participação especial Alaíde Costa

Praça do Papa

19h30 Thiago Delegado – Prêmio BDMG

21h AZYMUTH


23/07/2011 – Sábado

Praça da Saúde

11h Domingos do Cavaco -Vozes do Morro

13h Samba de Quintal – Vozes do Morro

Feira Tom Jobim

11h Ausier Vinícius convida Sampaio do Trombone

13h  Daniela Spielmann convida Áurea Martins – Show Gafieirando

15h Os Matutos – Orquestra de Choro

Praça Floriano Peixoto

18h Bernardo Fabris

19h30 SambaJazz Trio Convida Paulinho Trompete

21h Jaques Morelembaum

Praça do Papa

18h Jessé Sadoc

19h30 Zé da Velha e Silvério Pontes

21h BOSSACUCANOVA


24/07/2011 – Domingo

Praça do Papa

17h Enéias Xavier

18h30 Célio Balona

20h Orquestra Cabaré

AGENDA INSTRUMENTAL – CLÉBER ALVES

CLÉBER ALVES FAZ SHOW DE LANÇAMENTO DE “VENTOS DO BRASIL” NA SÉRIE BH INSTRUMENTAL

O saxofonista, compositor e arranjador mineiro Cléber Alves é a atração de junho do da Série BH Instrumental. O projeto, que  traz ao público mineiro  concertos públicos e gratuitos, com instrumentistas de primeira linha, acontece mensalmente, alternando o endereço entre as praças Floriano Peixoto e Praça da Saúde.

A única apresentação de Cléber Alves será no dia 13 de maio, na Praça Floriano Peixoto, em Santa Efigênia, às 20 horas.

A Série BH Instrumental é uma realização da Veredas Produções em parceria com o Instituto Unimed-BH, através de doações de pessoas físicas e conta com o apoio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, fazendo parte do Circuito UNIMED-BH.

O show de Cléber Alves marca o lançamento de seu novo CD, “Ventos do Brasil”. Ele toca acompanhado por uma banda de primeira, com  André “Limão” Queiroz (bateria); Enéias Xavier (baixo acústico); Marcos Flávio (trombone); Roberto Júnior (sax barítono e tenor) e Chico Amaral (sax alto e tenor), e conta com participações especialíssimas de amigos e mestres: Carlos Malta (flauta e sax), Mauro Rodrigues (flauta), Nivaldo Ornellas (sax tenor) e Teco Cardoso (flauta e sax).

“Ventos do Brasil” é o resultado de uma pesquisa que utiliza uma formação correspondente a de banda de música, expressão comum da cultura mineira. Nele, os sopros vêm acompanhados de bateria e contrabaixo, em substituição à percussão e à tuba, características da banda. Também não são utilizados instrumentos de harmonia como o piano, o violão ou a guitarra. Os arranjadores ficam livres para fazer propostas e escolhas, e participam com suas composições autorais. “O trabalho é feito a partir do encontro de músicos vindos de uma mesma origem. Buscamos criar uma unidade que ressalta nossa diversidade sonora”, afirma Cléber Alves.

Dois mestres da música instrumental assinam os arranjos: Nivaldo Ornellas e Paulo Moura, ambos saxofonistas que marcaram a geração dos anos 80 e influenciaram vários outros que vieram posteriormente entre eles, Carlos Malta e Teco Cardoso, também saxofonistas que até hoje contribuem com seus trabalhos para a sonoridade do sax, além do flautista e pesquisador Mauro Rodrigues.

Compositor, arranjador e instrumentista Cléber foi aluno de Nivaldo Ornellas e Paulo Moura e construiu uma carreira sólida, com uma mistura criativa de técnica impecável, bom gosto nas interpretações e composições ricas e originais. 

Boa parte de sua formação foi durante os dez anos em que morou na Alemanha. Ele fez graduação e mestrado em jazz e música popular na Universidade de Mùsica de Stuttgart . E lá mesmo lançou dois discos excepcionais: “Temperado” e “Saxophonisches Ensemble B”.

De volta ao Brasil, gravou “Revinda”, que mereceu o Prêmio Marco Antonio Araújo de Melhor Disco Instrumental de 2006.

Na Alemanha, tocou em festivais de jazz onde participaram músicos como Bobby McFerrin, Lionel Hampton, Chucho Valdés, Ralph Towner, John Taylor, Jerry Bergonzi, entre outros. Ainda na Europa participou de shows na Suíça, Holanda, França e Espanha.

No  Brasil, grava e toca ao lado de músicos como Toninho Horta, Nivaldo Ornelas, Juarez Moreira, Wagner Tiso,Túlio Mourão, Chico Amaral, Ed Motta, Flávio Henrique, Weber Lopes, Sérgio Santos, Zeca Assumpção, André Mehmari, Toninho Ferragutti, Alda Rezende, Gilvan de Oliveira, Hamilton de Yolanda, Paulinho Pedra Azul, Selma Carvalho e outros.

Participou do Festival “Tudo é Jazz” de Ouro Preto com seu trabalho solo, como instrumentista nos shows de Túlio Mourão, Chico Amaral, Alda Rezende e como solista da bigband da compositora e arranjadora Maria Schneider.

Em 2008 sua participação no “Tudo é Jazz” aconteceu na noite de Milton Nascimento, tocando com a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais ao lado dos cantores Pedro Morais, Kadu Vianna, Júlia Ribas e outros.

Tocou também no TIM Festival de Valadares, Festival de Jazz de Ipatinga, Savassi Festival em BH e Festa da Música de Belo Horizonte.

Faz, constantemente, turnês pela Alemanha e por outros países da Europa.

-SERVIÇO-

PROJETO SÉRIE BH INSTRUMENTAL APRESENTA CLÉBER ALVES

Lançamento do CD “Ventos do Brasil”

Convidados:

Carlos Malta( Flauta e Sax), Mauro Rodrigues(Flauta), Nivaldo Ornelas(Sax Tenor), Teco Cardoso(Flauta e Sax). 

Banda:  André Queiroz – Bateria

              Enéias Xavier – Baixo Acústico.

              Marcos Flávio – Trombone

              Roberto Júnior – Sax Barítono e Tenor. 

              Chico Amaral – Sax alto e tenor. 

Praça Floriano Peixoto – Santa Efigênia

Dia  13 de Maio – Sexta-Feira – às 20  horas

Informações- 3222 5271

Apoio Institucional: Instituto Unimed BH

Entrada Franca

Blog no WordPress.com.

Acima ↑